Início > Pintura e Escultura > MovimentArt> Tarsila do Amaral no MASP por pouco tempo

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon

Tarsila do Amaral no MASP por pouco tempo

Infelizmente a maior amostra da America latina da artista brasileira se encerrará no final de Julho.

Por Valter Silva - Garoa News
29/05/2019 10:30  

Tarsila do Amaral é mais do que um ícone, considerada uma das maiores artista plástica brasileira, enfim recebeu uma grande exposição em território brasileiro. Intitulado de Tarsila Popular, a amostra conta com mais de 92 obras da artista está em exposição no MASP (Museu de Arte de São Paulo) até o dia 28 de Julho.

Tarsila fez parte de um grupo seleto de artistas brasileiros que nos fizeram mudar o foco, pois durante muito tempo tínhamos como base a escola europeia de artes e graças a trabalhos como A cuca, de 1924, passamos a dar um valor maior a nossos artistas. Vale ressaltar que a artista desenvolvia seus trabalhos com base em suas vivências e estudos, o que nos trás muito do olhar sobre o trabalho braçal brasileiro e suas peculiaridades.

Entrada do MASP - Exposição Tarsila Popular - Foto Valter Silva

O interessante desta amostra é trazer aos olhos do público em geral obras primas da artista que tem como objetivo o debate, isso porque, Tarsila é uma artista brasileira que estudou por muito tempo na França e é possível discutir se o trabalho da mesma conta com uma identidade nacional ou não.

Para quem não conhece a artista é uma excelente oportunidade de admirar suas obras e entender um pouco de como foi o período de vivencia da mesma. “O público pode ter uma experiência mais superficial e puramente estética (as obras dela são muito fortes esteticamente falando) e só isso já terá possibilitado uma experiência que vale a pena vivenciar” comenta a professora universitária Beatriz Ramsthaler que completa “Mas é possível também perceber as influências dos movimentos vigentes na Europa do século XX e ver clara influência de movimentos como o cubismo, por exemplo. Ou ainda ir mais fundo nessa experiência diante das obras dela, e nesse caso, o público conseguirá fazer leituras sociais e de críticas sociais muito expressivas”.

É importante avisar que o MASP conta com entrada franca às terças-feiras o que ajuda muito para quem gostaria de visitar e conhecer um pouco mais de nossos artistas. Com inúmeras escolas marcando excursões a disputa por um lugar é bastante acirrada. “acho que poderia ser ainda mais difundida essa exposição junto aos meios de comunicação para que muitas outras pessoas se vejam provocadas a visitá-la. Conhecer Tarsila no MASP são duas experiências interessantes. Ela, pelo conjunto de obras expostas e o MASP que é um dos museus mais importantes do mundo e que muitos brasileiros e mesmo paulistanos, não conhecem.” Afirma a professora.

Convenhamos que paulistanos estão adaptados a filas, mas a exposição vale muito a pena. “A expectativa que tenho em relação à exposição é bem grande, até por conta da Obra Abapuru que havia saído do Brasil” afirma a Gerente técnico Talitha Bonini. Abapuru que realmente atrai a atenção de muitos visitantes, por ser uma das obras mais conhecidas da artista. Mas podemos dizer que a exposição tem uma grande diversidade de obras de Tarsila do Amaral a ponto de provocar inúmeras sensações nos visitantes. “Espero ser surpreendida, são muitas obras e ela teve várias fases, nunca fez obras que seguissem sempre a mesma linha, o mesmo traço, acredito que isso seja surpreendente” finaliza Talitha.

Obra "Trabalhadores" de Tarsila do Amaral - Foto Valter Silva

Não deixe de fazer uma visita, é importante conhecer e apreciar a arte, principalmente neste caso, que é de uma artista com raízes canarinhas e tão reconhecida no mundo.


O MASP fica na Avenida Paulista, Nº 1578, aberto as terças das 10hs às 20hs (entrada gratuita), de quarta a sexta das 10hs às 19hs (bilheteria aberta até as 18h30m) sábado e domingo das 10hs às 20hs (bilheteria aberta até as 19H30m). Com ingressos de adultos por R$40, estudantes, professores e idosos a partir de 60 anos pagam meia entrada e crianças menores de 11 anos não pagam!

Estudante de Jornalismo da Uninove, atualmente cursando mídias digitais. Apaixonado por comida, filmes, esportes e fotografia. Exímio jogador de Fifa e jogos de corrida de modo geral, além de um leitor ávido. Dedicado ao cuidado com o corpo, esportes e adrenalina e o mais político que uma pessoa pode ser. Seja bem vindo e sinta se à vontade.

 

“Encare o Grande Show que é mundo e seja maior que a Vida.”

Valter Silva

    Gostou da leitura? Volte sempre que desejar, não esqueça de nos seguir nas redes sociais  

© 2017 por "Garoa News". Orgulhosamente criado com Wix.com