Início > Esporte > Joga + > A volta do pofexô é boa para quem?

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon

A volta do pofexô é boa para quem?

Por Gervásio Henrique - Garoa News
15/05/2019 01:30

Que o Santos Futebol Clube venceu (na verdade atropelou) o Vasco, no último domingo, as mídias esportivas cansaram de falar, como, de fato, deveriam. Também muito abordado foi a figura de Sidão: vilão e depois herói (na verdade coitado, devido ao prêmio repudiável que recebeu da Globo). O que, no entanto, ficou de lado por um momento foi, um dos maiores personagens do futebol brasileiro, agora técnico do Vasco, Vanderlei Luxemburgo.

O "pofexô" aceitou, semana passada, o maior desafio da sua gloriosa carreira, que alcançou sucesso, inclusive, internacional. O mais difícil "pojeto" já encarado por ele é conseguir realizar um campeonato digno (e isso não é apenas livrar o clube de um novo rebaixamento, é muito pouco para a história do Cruzmaltino) para o Vasco, clube tradicionalíssimo do futebol brasileiro, que atualmente conta com um grupo de jogadores pitorescos. Os principais atletas são, um argentino e um personagem de desenho animado. Nem mesmo em tempos de Sport, a empreitada era tão árdua, muito porque a expectativa era menor.

Foto - Rodrigo Correia/ MoWa Press - apresentação de Vanderlei Luxemburgo no Vasco

É de se imaginar como se sentia Luxa com o que via no gramado do Pacaembu, na tarde de domingo. Um verdadeiro baile da equipe santista comandada por Sampaoli.  O mesmo Santos que outrora foi dirigido por ele, Luxemburgo, e com um futebol tão bonito quanto o deste final de semana.

Em Rodrygo ele provavelmente via Robinho: jovem, habilidoso, impiedoso e futuro do Real Madrid, claro que com as devidas proporções guardadas, e tomara, que com futuro no clube merengue também distinto. O camisa 11, assim como era o camisa 7, dono de uma capacidade ímpar de deixar aniquilados defensores mais experientes e menos talentosos. O Real, aliás, representou o ponto alto da carreira de Luxemburgo, mesmo que por pouquíssimo tempo, e ali começou a degringolada de Vanderlei.

 

Atualmente, vivenciar o outro lado da moeda é uma sensação nova para Luxemburgo. É bem verdade que seus últimos trabalhos não foram dos melhores, porém, esse novo desafio corre o risco de "aposentar" o ícone folclórico do baba tupiniquim (que para alguns está realmente no passado).

Muitos ou todos se perguntam o que leva um técnico consagrado a aceitar uma "barca furada" como essa?  Desespero, paixão pelo futebol ou pelo ego? Um profissional com seu currículo, mesmo que, por ventura, desatualizado, vira e mexe, recebe uma boa, se não ótima oportunidade de emprego, ainda mais em terra de cartolas pouco capacitados, corruptos e suscetíveis a pressões da massa adoradora do produto cultural futebol.

Difícil saber o real motivo, mas fato é que a realidade de Luxemburgo, mais do que nunca, é outra. Treinar o Vasco de 2019 é uma diferença abissal do Santos do começo do século, Seleção Brasileira dos anos 90 e Real Madrid galáctico de 2005. Ele garante que aproveitou o período sabático para estudar (e deveria pois o futebol mudou), assim como fez Tite no passado (esse aliás colheu bons frutos).

Basta saber se na prática o querido pofexô se atualizou mesmo e ajudará o esporte nacional ou seguirá os passos de Felipão, Renato Gaúcho e companhia (i)limitada, que até dão resultados positivos para os seus clubes (dentro de equipes muito mais qualificadas), mas contribuem para que o saudoso futebol brasileiro, fique cada vez mais para trás no âmbito global. Nesse caso, seria melhor a figura adorada mantida ou o risco de arranhar sua imagem, vide Felipão em 2014? A ver os próximos capítulos.

Estudando Jornalismo na Uninove. Cinema, esportes, viagens e comunicação me fascinam. Comprometido em realizar o melhor trabalho possível. Disposto a vivenciar o que me está reservado nesse louco mundão e ciente de que na vida somos apenas aprendizes. Quanto mais aprendemos, mais temos o que estudar.

"Você viveu, aprendeu e se tornou melhor"

Gervásio Henrique

    Gostou da leitura? Volte sempre que desejar, não esqueça de nos seguir nas redes sociais  

© 2017 por "Garoa News". Orgulhosamente criado com Wix.com